Limite de detecção

From WikiBr
Jump to navigation Jump to search
The printable version is no longer supported and may have rendering errors. Please update your browser bookmarks and please use the default browser print function instead.

Limite de detecção, ou LOD (limit of detection), é a mais baixa quantidade de um analito que pode ser distinguido da ausência dessa substância (um valor em branco) dentro de um intervalo de confiança declarado (geralmente 1%).[1][2] O limite de detecção é calculado a partir da média do desvio padrão do branco e algum fator de confiança. Outra consideração que afeta o limite de detecção é a precisão do modelo utilizado para prever a concentração a partir do sinal analítico não tratado.

Referências

  1. IUPAC, Compêndio de Terminologia Química, 2ª ed. ("Gold Book"). Compilado por A. D. McNaught e A. Wilkinson. Blackwell Scientific Publications, Oxford (1997). Versão online: "{{{título}}}"  (2006–) criado por M. Nic, J. Jirat, B. Kosata; atualizações compiladas por A. Jenkins. ISBN 0-9678550-9-8.
  2. MacDougall, Daniel.; Crummett, Warren B.; et al. (1980), «Guidelines for Data Acquisition and Data Quality Evaluation in Environmental Chemistry», Anal. Chem., 52: 2242–49, doi:10.1021/ac50064a004